Dentistas podem ser criativos e inovar na sua profissão? Sim, sob o olhar do conhecimento horizontal!
Posted by

Dentistas podem ser criativos e inovar na sua profissão? Sim, sob o olhar do conhecimento horizontal!

 

A Odontosolutions possui um gene bastante especial… o da INOVAÇÃO E CRIATIVIDADE. Afinal, nos dias atuais não basta reclamar, é preciso:

Talvez sejam necessárias algumas definições, para facilitação e melhor compreensão do texto que segue.

1-agir;
2- de forma estratégica;
3- de forma horizontal.

Baseada nessas premissas, criamos um artigo cuja essência explica um pouco das referências que suportam a criação dos planos de ação e estratégias inovadoras que desenvolvemos para os clientes da Odontosolutions. É um texto complexo e filosófico, e que ao final pode ser prático e ajudar também os dentistas, a pensarem e a utilizarem estratégias fora da casinha….

COMO DENTISTA, QUE OUTRAS ÁREAS DE CONHECIMENTO PODEM ME AJUDAR A INOVAR E CRIAR?

Essa é a idéia…

Prontos para uma reflexão?

Observamos que o pensamento do homem tem, naturalmente, evoluído para uma compreensão de mundo mais ampla e integradora, que incluem filosofias e pontos de vista horizontais que podemos denominar, também, de transdisciplinares, ao contrário das visões horizontais utilizadas até hoje. E com base nisso, há uma expressão de novas formas de pensar e métodos de agir. Em outras palavras, abordagens CONTRÁRIAS aos recortes de natureza disciplinar e, ao mesmo tempo, FAVORÁVEIS a metodologias que passeiam entre e através, que acabam por influenciar os processos de INOVAÇÃO e de CRIAÇÃO, tornando-os ainda mais libertadores.

DEFINIÇÕES INICIAIS

Conhecimento Horizontal – O modelo de gestão horizontal nas empresas veio para contrapor o modelo de gestão vertical, no qual há a valorização da HIERARQUIA.O conceito é moderno e visa que as empresas estejam abertas para permitir que os funcionários desenvolvam projetos EM COLABORAÇÃO com demais colegas de trabalho, possuam AUTONOMIA para definir horários e metas, e tenham espaço para EXPOR SUAS OPINIÕES sem gerar qualquer constrangimento ou ressentimento dentro da empresa. Aqui SOMAM-SE CONHECIMENTOS DE DIVERSAS ÁREAS, de colegas de trabalhos e disciplinas.

Transdisciplinaridade– Disciplinas escolares ou áreas de conhecimento que COLABORAM ENTRE SÍ num projeto, tornando-o mais INTEGRADOR. Significa, também, que há um modo de pensar organizador, que pode atravessar as disciplinas e, a partir disso, dar uma espécie de UNIDADE.

DISCUSSÃO

A partir da observação de pessoas, atitudes e tendências, temos visto comportamentos comuns em todos os lados onde trafegamos ( e essa constatação por si só já é um comportamento transdisciplinar..kkk) tanto no relacionamento entre as pessoas, quanto nas nas empresas, dentro da educação, das ciências e até na religião!

Parecem ser pensamentos e métodos que têm sido valorizados como “inovadores”. Na verdade, todos possuem, em seu DNA, a transdisciplinaridade e o estímulo à busca dos conhecimentos horizontais, postura que transcende as fronteiras disciplinares, sem perder de vista o respeito às diferenças de cada um.

Um exemplo na área de treinamento físico é o Crosstraining. O método nasceu a partir da brilhante percepção de que outros esportes assim como a corrida, (com movimentos diferentes) poderiam contribuir para a melhora da performance de corredores e nadadores, e vice e versa. Na sequência, evoluiu para a percepção de um treino focado em todo corpo e não em partes isoladas desse, como previam os aprendizados tradicionais, como a musculação, por exemplo. Métodos que inovam no condicionamento físico se utilizam de princípios transdisciplinares e o conhecimento horizontal de esportes e disciplinas físicas diversas.

Na educação, da mesma forma, observa-se uma maior valorização da integração entre as diversas áreas do conhecimento e o resultado é que essas se somam. Jose Ivo Follmann complementa:

Transdisciplinaridade é um modo de relacionar os conhecimentos em todas as suas áreas. É o grande desafio da educação de hoje. O conceito, no que se refere às escolas, diz respeito a SABER CONSTRUIR O NOVO, a partir das trocas de conhecimento percebidas em sala de aula. A transdisciplinaridade não dispensa, de forma nenhuma, a divisão tradicional do ensino, mas é, sem dúvida, a tábua da salvação da educação.

Nas empresas constatamos o uso do “conhecimento horizontal” com maior frequência e propriedade na área da gestão . As formas contemporâneas de gerir uma empresa que antes competiam pelo poder de “ter a razão” e constituíam-se em áreas isoladas-gestão vertical- agora, “conversam entre si” e também somam. Constatou-se que, se não houver interação entre todos os componentes organizacionais, será difícil alinhar e motivar, unificar e simplificar. O ideal esperado, hoje, é que haja um comprometimento das partes de um todo e de todos. Destaca-se, nas gestões que buscam pontos em comum entre as pessoas e departamentos, mais felicidade, adesão às empresas e melhores resultados. A soma de conhecimentos entre departamentos e hierarquias, além de todas essas vantagens, tem o poder de valorizar os potenciais individuais.

E o que dizer das empresas que buscam uma maior compreensão e o uso de metodologias baseadas na psicologia positiva, meditação, dentre outras áreas e ciências humanas para melhorar a produtividade, a comunicação e a felicidade/desempenho dos funcionários? Estamos ou não juntando forças de outras áreas para melhorar a nossa eficiência, resultados e sermos mais felizes no trabalho?

Interessante observar que as áreas ligadas à criatividade e a estratégia, nesse caso, as ações da Odontosolutions, parecem ser mais susceptíveis ao uso deste tipo de conhecimento que, naturalmente acabam ROMPENDO CRENÇAS E CONCEPÇÕES para criar soluções e inovação para clínica odontológicas. Talentosos criativos, possivelmente, conseguem transitar entre disciplinas e formações. Nesse caminho, encontram referências alternativas e conseguem, mais facilmente que os indivíduos comuns, ampliar a realidade e a consciência. Por conseguinte, a criatividade encontra um campo maior e facilidade para florescer nos profissionais de design, criação, comunicação e planejamento estratégico. Precisamos “sair da casinha” e ” dançar fora do quadradinho do cliente” de mãos dadas a outros quadradinhos para inovar e criar SOLUÇÕES para nossos clientes.

Conteúdo e imagens criadas pela Odontosolutions para as redes sociais da blogueira e dentista, Patti Jardim, do blog Opaline. Patti é blogueira e criativa e faz um trabalho totalmente inovador, rompendo as barreiras do pensamento tradicional dos dentistas. Nossos aplausos a essa profissional da área!!!

CONCLUSÕES

Portanto, após toda a reflexão analisada no corpo do texto, afirmamos que estamos vivendo num mundo transdiciplinar ou da expansão horizontal do conhecimento. É nesse lindo momento que comemoramos a conversa entre a física quântica com a religião, que antes brigavam entre sí. Nos emocionamos com um papa que respeita todas as formas de pensar, religiões e pessoas, apesar vir de uma formação no catolicismo.

Afinal, somos ou não somos complementares? Somos ou não somos um?

Como dentista, que tal ler sobre psicologia para entender melhor os comportamentos de seu cliente? Ou um bom livro sobre estratégia para criar diferenciais em relação a seus concorrentes? Agora lembramos do Flávio Alves Ribeiro, dentista e economista, parceiro e cliente da Odontosolutions, que usa do conhecimento horizontal para se tornar o maior expert em gestão financeira de clinicas odontológicas do Brasil. Em uma de suas redes, sugeriu a leitura de um livro sobre “estratégia” bastante importante, o “Oceano Azul”.

E minha sugestão para que, após toda essa leitura difícil e tórrida você tire algum proveito? Lembro de uma frase do Einsten que diz- “… uma mente que se abre para o novo nunca mais volta ao tamanho original…” Abra-se para o novo, quebre paradigmas, ouse, olhe para o lado…

Que tal olharmos com RESPEITO para as pessoas e teorias “diferentes” e trafegarmos entre elas ao invés de criticá-las? Que tal abrirmos as portas da criação para realmente inovarmos?

Afinal, somente assim manteremos a mente mais aberta para as novas possibilidades e talvez estejamos até mais perto de Deus!!

É só dar-nos conta disso…

Johnny Santana e Mônica Claure
Consultores e especialistas em estratégias para a Odontologia

Comments

0 Comentários desativados em Dentistas podem ser criativos e inovar na sua profissão? Sim, sob o olhar do conhecimento horizontal! 775 23 maio, 2017 Gestão da Odontologia, Johnny Santana maio 23, 2017
Johnny Santana

About the author

Johnny Santana é Consultor de Marketing em Odontologia. Palestrante em Marketing para dentistas. Sócio Fundador da OdontoSolutions. Graduado em Publicidade e Propaganda com ampla experiência em Marketing Odontológico, onde já passou por grandes indústrias do setor. Mais de 10 anos de experiência em estratégias para dentistas. www.odontosolutions.com.br contato@odontosolutions.com.br

View all articles by Johnny Santana

Pesquisa

Cursos

Facebook